Mestre Sérgio Santos

Livros do Mestre DeRose

 :

TRATADO DE YÔGA (SWÁSTHYA YÔGA SHÁSTRA ): Um clássico. Foi citado por Georg Feuerstein em seu livro The Deeper Dimension of Yôga. É considerada uma obra canônica, a mais completa obra do mundo em toda a História do Yôga, com 700 páginas e mais de 2.000 fotografias. Contém 32 mantras em sânscrito, 108 mudrás do hinduísmo (gestos reflexológicos) com suas ilustrações, 27 kriyás clássicos (atividades de purificação das mucosas), 54 exercícios de concentração e meditação, 58 pránáyámas tradicionais (exercícios respiratórios) e 2.000 ásanas (técnicas corporais). Apresenta capítulos sobre karma, kundaliní (as paranormalidades) e samádhi (o autoconhecimento). Oferece ainda um capítulo sobre alimentação e outro de orientação para o dia-a-dia do praticante de Yôga (como despertar, a meditação matinal, o banho, o desjejum, o trabalho diário, etc.). É o único livro que possui uma nota no final dos principais capítulos com instruções e dicas especialmente dirigidas aos professores de Yôga. Indica uma bibliografia confiável, mostra como identificar os bons livros e ensina a estudá-los. 


QUANDO É PRECISO SER FORTE : Esta obra ensina, esclarece e diverte com crônicas, casos reais, história, filosofia, ética, sexualidade e mais um universo de conhecimentos sobre Tantra, paranormalidades, karma, mensagens, poesia, mistério, vivências, percepções, viagens à Índia, revelações inéditas, experiência de vida e episódios bem humorados. É tão importante, que o teste de admissão da Universidade de Yôga é feito sobre esse livro. Contém testemunhos sobre a história do Yôga no Brasil registrados por um dos últimos professores ainda vivos que presenciaram os fatos para não deixá-los cair no esquecimento. Diferente de todos os livros já escritos sobre Yôga, é leitura indispensável para o praticante ou instrutor. É o livro mais relevante do SwáSthya Yôga. Ninguém deve deixar de lê-lo. 


TUDO O QUE VOCÊ NUNCA QUIS SABER SOBRE YÔGA : O título provocativo e bem humorado sugere a leveza da leitura. O texto foi estruturado em perguntas e respostas para esclarecer aquelas questões que todo o mundo quer saber, mas nunca nem imaginou formular por não ter alguém confiável a quem perguntar. “Será que estou praticando um Yôga autêntico ou estarei comprando gato por lebre? Meu instrutor será uma pessoa séria ou estou sendo enganado por um charlatão? O que é o Yôga, para que serve, qual sua origem, qual a proposta original, quando surgiu, onde surgiu, a quem se destina? Há alguma restrição alimentar ou da sexualidade? Será uma espécie de ginástica, terapia, religião?” Tudo sobre Yôga indica uma vasta literatura de apoio, ensina como escolher um bom livro, como aproveitar melhor a leitura, e inclui documentação bibliográfica discriminada, de forma que as opiniões defendidas possam ser confirmadas em outras obras. Orienta inclusive para a formação de instrutores de Yôga e é livro-texto da Primeira Universidade de Yôga do Brasil. 


YÔGA SÚTRA DE PÁTAÑJALI: Nova edição da obra clássica mais traduzida e comentada no mundo inteiro. Recomendável para estudiosos que queiram ampliar sua cultura em 360 graus. Depois de 20 anos de viagens à Índia, o Mestre DeRose revisou e aumentou seu livro publicado inicialmente em 1980. Sendo uma obra erudita, todo estudioso de Yôga deve possui-lo. É indispensável para compreender o Yôga Clássico e todas as demais modalidades. 


MENSAGENS DO YÔGA: Este é um livro que reúne as mensagens mais inspiradas que foram escritas pelo Mestre DeRose em momentos de enlevo durante sua trajetória como preceptor e mentor desta filosofia iniciática. Aqui compilamos todas elas para que os admiradores dessa modalidade de ensinamento possam deleitar-se com a força do verbo. É interessante como o coração realmente fala mais alto. O Mestre DeRose tem mais de vinte livros publicados, leciona Yôga desde 1960 e ministra o Curso de Formação de Instrutores de Yôga em praticamente todas as Universidades Federais, Estaduais e Católicas do Brasil há mais de 30 anos. No entanto, muita gente só compreendeu o ensinamento do Mestre DeRose quando leu suas mensagens. Elas têm o poder de catalisar a força interior de quem as lê e desencadear um processo de modificação do karma através da potencialização da vontade e do amor. 


PROGRAMA DO CURSO BÁSICO DE YÔGA: Contém todo o programa do Seminário de Preparação ao Curso de Formação de Instrutores de Yôga. Esse curso pode ser feito por qualquer pessoa que queira conhecer o Yôga mais profundamente e é especialmente recomendado aos que já lecionam ou pretendam lecionar. Também disponível em vídeo. 


BOAS MANEIRAS NO YÔGA: Bons modos são fundamentais para todos. Nós que não comemos carnes, não tomamos vinho e não fumamos, como deveremos nos comportar num jantar, numa recepção, numa visita ou quando formos hospedados? Você já está educado o bastante para representar bem o Yôga? E, refinado o suficiente para ser instrutor de Yôga ou Diretor de Entidade? Qual a relação entre Mestre e Discípulo? Algumas curiosidades da etiqueta hindu. Nosso Código de Ética. 


EU ME LEMBRO...: Poesia, romance, filosofia. Como o autor muito bem colocou no Prefácio, este livro não tem a pretensão de relatar fatos reais ou percepções de outras existências. Ele preferiu rotular a obra como ficção, a fim de reduzir o atrito com o bom-senso, já que há coisas que não se podem explicar. 

No entanto, é uma possibilidade no mínimo curiosa, que o Mestre DeRose assim o tenha feito pelo seu proverbial cuidado em não estimular misticismo nos seus leitores, mas que se trate de lembranças de eventos verídicos do período dravídico, guardados no mais profundo do inconsciente coletivo.


ALTERNATIVAS DE RELACIONAMENTO AFETIVO: Todos traem, todos sabem, todos negam, todos fingem que acreditam. E assim caminha a Humanidade, aos trancos e barrancos, em direção a um nível maior de lucidez e de honestidade que deve estar em algum lugar lá no fim do túnel. O intuito deste ensaio, obviamente, não é doutrinar, mas esclarecer e romper paradigmas. Fornecer dados e informações para que cada qual decida o que é melhor para si e mostrar que a forma convencional não é, necessariamente, a melhor maneira de realizarmos algo. A grande contribuição que o livro oferece é a de fazer com que as pessoas sejam mais felizes a partir da descoberta de que não deve haver uma única forma de relacionamento afetivo e sim de que cada ser humano deve ser livre para viver como quiser, desde que isso não prejudique a ninguém. 


A REGULAMENTAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DE YÔGA: Este livro reúne a história da luta pela regulamentação da nossa categoria, desde 1978, quando o Mestre DeRose apresentou a primeira proposta. Contém documentos úteis para a proteção dos profissionais da área, o texto e as emendas do novo projeto de Lei, 4680 de 2.001, relatórios das reuniões com as opiniões e o registro histórico das reações das pessoas a favor ou contra a regulamentação, o depoimento das conseqüências se o Yôga for encampado pela Ed. Física, a fogueira das vaidades dos “professores” de “yóga”, relatos dramáticos e outros hilariantes dessa campanha. 


ENCONTRO COM O MESTRE: Esta ficção relata a surrealista experiência do encontro entre o jovem DeRose, com 18 anos de idade e o Mestre DeRose com 58 anos. O jovem candidata-se à prática do SwáSthya Yôga e é recusado pelo velho Mestre. O que resulta daí é um diálogo com debates filosóficos, éticos e iniciáticos, envolvendo temas como: o vil metal, a reencarnação, o espiritualismo, o radicalismo, meditação, sexo, a multiplicidade de mestres e escolas pelas quais o menino passara, etc. O final apresenta uma surpresa inusitada que a maioria não vai notar, mas os que tiverem estudado os demais livros vão descobrir... se prestarem muita atenção! 


SÚTRAS – MÁXIMAS DE LUCIDEZ E ÊXTASE: É um belo presente. Um livro lindo, com capa dura, papel couché, todas as páginas artisticamente ilustradas em quatro cores. O objeto livro é tão bonito que quase nos esquecemos de que o principal é o ensinamento contido nos pensamentos que ele expõe. Alguns são sérios, outros são engraçados; uns são cáusticos, outros doces; uns são leves e outros filosoficamente muito profundos; alguns deles só poderão ser compreendidos no seu sentido hermético se forem lidos por pessoas com iniciação. Antes de publicar a obra, o único exemplar que existia era usado pelo próprio autor como conselheiro para o dia-a-dia. Ele se concentrava sobre uma questão que desejasse consultar, e abria o livro numa página aleatoriamente. Lia e meditava sobre o pensamento e sua relação com a questão. Muitas vezes o resultado era surpreendente. 


ALIMENTAÇÃO VEGETARIANA – CHEGA DE ABOBRINHA!: A maior parte dos livros sobre vegetarianismo peca por preocupar-se em demonstrar que a alimentação vegetariana é nutritiva e até curativa, mas relega o sabor a um sétimo subplano do baixo astral. Este livro não quer provar que você pode sobreviver sendo vegetariano, pois as evidências estão aí: um bilhão de hindus, todos os cristãos adventistas do mundo e todos os praticantes de SwáSthya Yôga (hoje, já há mais de um milhão só no Brasil). O livro apresenta unicamente receitas de-li-ci-o-sas, para você adotar o vegetarianismo sem que a sua família nem sequer perceba que os pratos não têm carne e, ainda, incrementando muito o paladar, o refinamento e a sofisticação culinária. 


Livros de outros profissionais: 


O GOURMET VEGETARIANO (da Profa. Rosângela de Castro): Trata de alimentação refinada. Além das receitas, fornece dados importantes sobre nutrição, assimilação e excreção. Como todos os nossos livros, este também não é sectário e não quer convencer ninguém de que a alimentação vegetariana é a melhor. Simplesmente, fornece dados e receitas aos que aspiram por uma nutrição ultra-biológica, sadia e deliciosa. Contém um guia sobre vitaminas e sais minerais. Praticantes de Yôga, desportistas e profissionais que precisam de uma alimentação que proporcione o máximo ao corpo e à mente, não podem deixar de adquirir este livro. 


COREOGRAFIAS DO SWÁSTHYA YÔGA (da instrutora Anahí Flores): Este livro ensina a preparar sua prática diária em formato de coreografia, isto é, montando as técnicas encadeadas, fazendo-as brotar umas das outras, como se fazia no Yôga primitivo, antes do surgimento do conceito de repetição, o qual é bem moderno. A obra vem preencher uma importante lacuna ao proporcionar dicas e instruções práticas a respeito de como conseguir cumprir essa que é uma das mais importantes características do SwáSthya Yôga.É extremamente útil a quem pretenda ser demonstrador, bem como aos instrutores para enriquecer suas aulas. 


INSPIRE, E AO EXPIRAR ESCREVA (da instrutora Anahí Flores): É destinado a ajudar todos aqueles que gostariam de escrever seu primeiro livro e não sabem por onde começar. Com os conselhos, instruções e exercícios contidos nesta obra, todos os estudantes e profissionais serão capazes de elaborar e publicar suas teses com qualidade, correção e estilo. 


LA DIETA DEL YÔGA (do Mestre Edgardo Caramella): É um livro delicioso, cheio de receitas saborosas para você utilizar como argumento a favor do verdadeiro vegetarianismo, aquele que dá água na boca. 


108 FAMÍLIAS DE ÁSANAS (da instrutora Melina Flores): Trata-se de uma minuciosa compilação fotográfica e de nomenclatura, realizada com muito capricho, ordenando centenas de fotos por 108 famílias de ásanas. 


SWÁSTHYA YÔGA NAS EMPRESAS (do Prof. Joris Marengo): Aborda de forma bem didática a aplicação das técnicas do SwáSthya num ambiente diferente do de uma escola especializada. Como se dirigir ao praticante, que técnicas aplicar, que locução utilizar, que cuidados tomar (já que não ocorre a mesma seleção adotada nos estabelecimentos de ensino), tudo isso e muito mais este livro de Yôga laboral ensina ao leitor. 


A PARÁBOLA DO CROISSANT (do instrutor Rodrigo De Bona): O autor foi muito feliz ao conseguir tratar da quarta característica do SwáSthya Yôga – a seleção do público – com transparência e simpatia. Demonstrou que somos a escola mais seletiva desta área de ensino, mas, por outro lado, não cometemos nem aprovamos qualquer tipo de preconceito ou discriminação.